19.06.2019 / Notícia

O nosso contributo: insulbar RE

Os números falam por si: Ainda não existe uma declaração oficial da Global Footprint Network relativamente ao dia deste ano em que teremos esgotado tantos recursos quanto a terra consegue regenerar num ano inteiro. No ano de 2018, o Dia da Sobrecarga da Terra foi a 1 de agosto. Em 1987, este dia foi a 19 de dezembro. De uma perspetiva económica, a humanidade encontra-se a partir do chamado Earth Overshoot Day num défice, porque já gastou todo o seu património e tem de pedir “dinheiro” emprestado ao banco – ou seja, à terra (fonte: Wikipedia/Global Footprint Network).

 

Elevado consumo de recursos pelas nações industriais

Uma janela isolada com insulbar RE possui uma impressão digital verdeOs perfis de isolamento insulbar reduzem as perdas térmicas em sistemas de janelas, portas e fachadas em alumínio, baixando assim o consumo de energia. O insulbar RE em poliamida reciclada preserva recursos valiosos logo no fabrico.

Devido ao elevado nível de consumo nos países industriais e emergentes, assim como ao rápido crescimento da população, a data no calendário tem vindo a acontecer cada vez mais cedo (fonte: Instituto Federal do Meio Ambiente). Os números deste ano já estão disponíveis para alguns países (ver ilustração). Todas as nações industriais já vivem atualmente a crédito. Se todas as pessoas gastassem tantos recursos como, por exemplo, os alemães, a terra já estaria sobrecarregada no dia 3 de maio.

Precisaríamos de três terras para cobrir de forma sustentável esse consumo. Para voltar a adiar o Dia da Sobrecarga da terra são necessários grandes esforços. A diminuição da emissão de CO2 para metade adiaria a data, por exemplo, em 89 dias.

Ilustração dos dias de sobrecarga de 2019 de cada paísO Country Overshoot Day é o dia em que seria o Dia global da Sobrecarga da Terra se todas as pessoas gastassem tantos recursos quanto os do respetivo país.

Um pequeno contributo: isolamento térmico com insulbar RE

Cada um de nós pode prestar diariamente o seu contributo: poupar energia, deixar o carro parado mais vezes, comprar produtos alimentares regionais e sazonais ou utilizar produtos de materiais recicláveis. Como por exemplo o insulbar RE, a nossa barra de isolamento com um excelente balanço ambiental.

O insulbar RE em poliamida 100% reciclada estabeleceu-se com sucesso na prática. Estão montados milhões de metros lineares e, até agora, foram poupadas desta forma várias dezenas de toneladas de emissões de CO2. O insulbar RE poupa, em comparação com as barras de poliamida convencionais, energia e recursos valiosos logo no seu fabrico. Assim, o insulbar RE situa-se em 0,76 kg de CO2 por kg de perfil de isolamento, em comparação com 8,81 kg de CO2 em perfis em material padrão.

Entre em contacto connosco se também quiser prestar o seu contributo e apostar futuramente numa construção verde.